Agora sim… The End

Bem, um ciclo se fecha e a página será virada. Hoje começa uma nova novela e se gostar, vou escrever sobre ela. Mas antes quero falar um pouco mais sobre o final de Viver a Vida. Como já disse anteriormente, na balança eu não gostei de muita coisa, é claro que tiveram pontos emocionantes, engraçados, intensos… momentos que me fizeram sentir saudade de minha mãe, pensar em minha vó, lembrar dos amigos, de ver o real na TV, mas muitas vezes eu ficava insatisfeita. Sem querer ser repetitiva, mas dizer que Helena era protagonista… isso é o fim.

Bem, vamos alguns personagens:

Soraia: conhecer um cara rico, argentino, ajeitadinho e mais novo que Maradona foi demais, neh?? Ela merecia se apaixonar por um pobretão, safado e ainda tendo que ralar para pagar as contas. Não pelas pirraças que fez a Dora, mas por Maradona, o irmão de Helena e por ser muito chata;

Renata e Felipe: já vinham na ultima semana meio sem graça. Deu uma esquentada quando ela ficou com ciumes – pela primeira vez Felipe comentou sobre a “ex-namora de Jerusalem” – mas fora isso o final deles foi fazendo propagando do azeite GALLO.

Ingrid: continuou falando das noras e enchendo os ouvidos do marido. Esse que na reta final criou coragem e chegou a mandar a mulher calar a boca. Mas também não teve nada demais, mostrou ela feliz com o nascimento dos netos e pronto.

Maradona: descobre que o filho pode não ser dele – depois de ter ajudado, acolhido, amado e dado teto e comida a Dora e Rafaela – e que Dora já tinha até providenciado o exmae de DNA e que o cara era Marcos. A reação que ele teve? Sgurar o queixo. Não estou dizendo que ele deveria ter dado uns tapas nela, até porque sou contra isso, mas um gritinho, uma discussão… pelo menos o filho era dele, mas se eu fosse Maneco teria um final diferente para esse trio.

Desfile de Helena e Luciana: sem graça. E ainda levaram as pobres das crianças recém-nascidas para aquela bagunça. Tenho dó!

DNA: e a cena do teste de paternidade que durou uns 5 minutos. Na minha opinião nem precisa ter. Era só mostrar Dora chegando com Juan Carlos em Búzio e dizendo que fez o teste. Agora a conversa de Dora e Mara que deveria ter mais tempo foi voando e sem graça.

Ellen e Ariane: que casamento foi aquele? Até o juiz parecia ter tomado todas antes da cerimônia.

Helena: que quase não apareceu, não teve casamento, nascimento… nadica.

Parando para pensar o que gostei mesmo desse último capítulo foi o final. Depoimento e depois orquestra. Espero que PASSIONE seja melhor e me deixe mais satisfeita.

Comentários

comentários

3 comentários em “Agora sim… The End”

  1. Parece uma boa novela, mas não ótima! De todo modo, é melhor pegar do início. Agora acho que não vale a pena você começar a comentar aqui, pois não vai entender algumas coisas do que assistir não é?

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *