Justificar (tanto), não é preciso

Uma coisa que está chamando minha atenção, é que o pessoal se refere a época que CarlosRodrigo sumiu, como se fosse em 1500. Como se não existisse nadica de nada. PeraÊ, neh?

Tudo bem que a Internet não era tão acessível (estava engatinhando no Brasil) e as câmeras digitais não eram arroz em festa, mas também não era o tempo das cavernas. Naquela época a Internet não era assim“, naquela época não tinha isso“, naquela época não tinha aquilo“….

Acho que não precisa ficar justificando por que CarlosRodrigo não foi encontrado. Veja o exemplo da menina Madeleine MacCann. Sumiu em 2007, onde se tinha acesso a internet, peritos estilo CSI… e nem por isso foi encontrada. Infelizmente acontece.

Comentários

comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *