Caminho sem volta

Só rindo da situação de Miguel. Tinha que entrar no quarto do hospital no momento do parabéns? Acho que no capítulo de hoje ele fecha a porta e sai correndo. kkk

Claro que ele não fará isso. Pelo jeito dessa vez ele se encheu de coragem e vai encarar todos. Mas antes de falar minimamente (como é usada essa palavra nas novelas da globo) dessa bomba, quero falar de outros entraves na novela.

Isabel, por exemplo. Está descompensada. Anda gritando, impaciente e tomando até remédio para dormir. É um poço de ansiedade. Tudo bem que tem seus motivos. E não é o fato de todos descobrirem que ela compactuou com a história de Miguel. O principal motivo tem um nome. Luís. Ela sabe que em algum momento terá que encara-lo. E provavelmente não poderá seguir adiante com o tratamento dele. Afinal de contas, ele é filho de Miguel e com o surgimento dele o assunto virá a tona nas consultas. Não sei pôr menores, mas é meio conflituoso, neh? E ela e Lauro? Eram um casal tão harmonioso e agora andam em pé de guerra. Esse Miguel é uma tempestade mesmo. 🙂

Tempestade para uns e calmaria para outros. Até que enfim, Elisa e Guida ficaram confortáveis com a ida da garota para o Japão. E a carta? Que fofo. Estou na expectativa dessa saída dela de cena. Ela vai voltar modernosa? Ou voltará a Elisa de sempre? E Guida? O vizinho reclamão tem aparecido mais. Será que vai rolar besteirinha? Ela ainda não resolveu sua situação no buffet. Será que ela vai ser demitida ou pedir demissão e seguir a vida longe da irmã? São muitas questões. E não tem outro jeito. Tenho que esperar.

Enquanto uma mãe apoia, a outra mete o pau. kkkk Irene já está se mobilizando para a chegada do bebê (assim espero) e não poderia deixar a mãe de lado, mas ela deve ter se arrependido. Ô mulher intragável. Se o assunto foge de carreira, trabalho… ela não dá a mínima. Um parêntese: pensei que essa personagem fosse ter uma participação mais ativa na novela. Que iria pentelhar as filhas, atrapalhar o casamento de Lígia, mas acabou fazendo só “pontas”. Que pena.

Para não sair do assunto “mãe”, e Marta? Até para pedir desculpa ela tenta se vitimizar. Não admite que mentiu por ela mesma, não pela filha. Pelo jeito Eriberto terá que sair de casa para ela levar a sério o pedido dele. Por falar em sair de casa, Arthurzinho está de mudança para o apartamento da arquiteta e claro ele tinha que fazer besteira. Bateu o carro, fez cara de cachorro faminto para mãe e ela não pensa duas vezes em resolver a questão para o filhinho. E resolve como? Mentindo para Vicente. Para arrancar mais dinheiro. A mulher é tão arteira que já sabia o que fazer para conseguir o valor. Falsificar a data de uma solicitação médica.

Ela é tão boa nisso, que nem precisou dizer o valor em voz alta para o filho mais velho. Pensou e o cheque de R$ 800,00 estava pronto. E Vicente só ficando para trás e com cara de bobo diante a família. Porque a mulher já não aquenta mais, o filho já está procurando emprego (até que enfim!) porque anda preocupado com a “síndrome de polvo” do pai.  E o músico cada vez mais atolado no trabalho para dar conta. Quando a frase “só queria que não falasse nada com fulana” é recorrente, é sinal que as coisas não vão bem. Ô, Vicente, se toca rapaz. Até ser bom demais é ruim.

Voltando para Miguel, um cara que é uma ostra, não consegue se expressar minimamente (kkk tô de zoeira) vai conseguir se explicar para tanta gente? Pelo menos com Pedro, Lígia e Bernardo ele terá que se esforçar. Ainda incluo Vicente. Que por ironia do destino cria dois filhos do ex morto. Claro que a conversa mais difícil será com Lígia e pelas atitudes anteriores, ele vai amarelar e se mandar de novo. Ele nunca quis nada disso. Ter seis filhos numa tacada só, sendo um de forma natural, mas será que não irá se render a isso. Não tem um filho ruim. Todos bacanas.

Eu não acho correto dizer que ele abandonou os filhos e tal, talvez lá no passado quando ele fez a doação por dinheiro, não tenha se dado conta dos detalhes. Que teria filhos espalhados por aí, e que naquele momento abriria mão de ser pai deles; e por outro lado as mães que optaram pela inseminação, apesar de ter conhecimento de algumas informações sobre o doador, não tratou com ele, a pessoa fica no imaginário, no final das contas é como se não existisse mesmo. É muito complexo esse assunto. Quem sabe em outro momento escreva mais. Por ora, fico na espera do pedaço de bolo. 🙂

Isso chamou minha atenção

Marta_CabelosNas novelas que costumo acompanhar sempre identifico um cabelo difícil. Nessa com certeza é o de Marta. Não tem jeito. Vira e mexe o cabelo fica estranho. No capítulo de ontem estava muito engraçado. Parecendo um a raça canina Afghan Hound. Acho que tentam fazer cachos grossos no cabelo escovado, só que não fixa. A medida que a cena é gravada o cabelo vai mudando e tomando “vida”. kkk Ah Marta, vc é uma graça.

Foto: Raphael Dias

Comentários

comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *