Desencontro de almas

Não é que Bento contou quase tudo para Dorotéia. E ainda tirou uma casquinha da “madame”, como ele mesmo diz. Agora a pergunta que venho fazendo. Como ela vai usar esse trunfo? Ameaçar e chantegear a condessa? Pedir dinheiro? O interessante disso tudo, é que a mãe de Melissa está mais preocupada que Bernardo não seja encontrado. Por causa da fortuna da velha. Mesmo Felipe também sendo muito rico. Ahh a ganância.

Pelo jeito o plano de vingança do ex capataz vai além de uma “simples” fofoca. Ele retornou a procurar Bernardo. E pelo jeito tem a intenção de dar cabo do rapaz. Mas o observando bem, ele não está feliz fazendo isso. Ele idolatrava a condessa. Lambia o chão que ela passasse. Vai saber os motivos. Outra que ele – de uma forma estranha – ama é Rosa. Está perdido sem ela. Ou fica comigo ou morre. Que homem asqueroso. E o pior que ainda pode fazer algo contra José.

Mudando de assunto, dois capítulos foram dedicados a Lívia e Felipe. Mas nem precisava tanto. Já que não se resolveu nada, mesmo com uma boa ajuda de Ariel. E da própria condessa.  A ex noviça fica dizendo que ele não tolera mentira por causa da reação quanto a história da morte da freira, mas ela não se dar conta que ele ficou possesso por achar que ela e Pedro passaram a noite juntos? No final das contas, essas atitudes só dão “munições” para o lado sombrio da novela.

Apesar de ser lindo ver os dois juntos, tentando se conter, mas que ao primeiro sinal de “baixar guarda” surge o sorriso frouxo, a cúmplice… mas do que serve tudo isso se não conversam, ou melhor, se ela não conta pelo menos uma parte de sua história? Ai acontece o que vem por aí. Chumbo grosso. Porque Pedro está um cão raivoso. Ainda mais depois do “mata leão” de Raul \o/; Que em consideração a Gema se conteve. Inclusive, sou fã desse casal. 🙂

Mas vamos aos tópicos que vou falar deles novamente.

  • Melissa se achando a rainha da Inglaterra no vestido de noiva e o amor dela num casebre afirmando que não poderá se casar. É uma pateta. Ser largada duas vezes pelo mesmo noivo não é qualquer um que merece.
  • Massimo olhou nos olhos de Salomé e falou coisas duras. Essa cena me fez lembra de algo que presenciei.  Um senhor como forma de declaração de amor (eu acho) para esposa disse que ela era como uma mãe. Que cuidava bem dele. A feição da mulher foi de uma tristeza profunda. Nem sei como ela não saiu correndo do local. Salomé judiou. Deu importância para coisas banais. E aos poucos o amor e desejo que o marido sentia foram minando. E se essa distância entre eles for concretizada, o quase caçador de borboletas irá encontrar um novo amor. Rosa.
  • Ariel não está agradando nem no céu e nem na terra. Coitado. Tem sofrido tanto. Até chorou.
  • Infelizmente, não é qualquer amiga que tem a coragem de Gema. Fez uma leitura impecável da saltimbanca. Mais claro impossível. E pelo jeito surtiu efeito. O ódio, a magoa contaminam. Mesmo uma pessoa que transbordava alegria pode se deixar levar e se tornar uma condessa Vitória.
  • Ô gente, Anita grávida de Roberto?? E ainda – como se a vida jogasse na cara – foi amparada por Afonso. Tão cuidadoso e atencioso. Será que o mau-caráter do irmão de Melissa vai dar as costas para ela? Que pergunta boba a minha. É claro que vai.
  • A condessa confia muito no seu taco, viu? Porque ela trata tão mal Zilda que não sei como não tem receio que a governanta coloque chumbinho (já existia?!) no seu chá. Zilda quase infartando por ter visto Bernardo (uma visão quase biônica) no jardim e ela pisoteando a coitada. Mesmo assim ela não abranda o coração. Nem com o filho. Que pelo jeito pretende ficar em Campobello e ainda não tem coragem de falar com a mãe. Agora imagina se ele decide assumir o filho de Anita? Aí ela empacota de vez.
  • Que angustia Gema e Raul estão passando. A polícia batendo na porta… alguma Pedro aprontou. Eles não terão paz.
  • Conde Felipe com o cabelo bagunçadinho por causa da chuva… tudo de bom.
  • Não vou mentir que quando Lívia disse “só por uma noite” achei que rolaria uma besteirinha.
  • Anita sabe que o irmão morre de ciúmes da amiga, mas mesmo assim conta que ela viajou. O povo também não segura a língua na boca.
  • Tão bacana Severa nessa nova fase. Alex parece uma plantinha que estava precisando de água. Já está desesperado só em pensar que a preceptora pode ir embora. E aquela carta? Será que foi alguém da família dela? Qual o segredo de Severa?
  • Dona Neném é sem noção mesmo. Quando alguém fala: passa lá um dia para visitar. Não precisa ser necessariamente no mesmo dia que a pessoa diz isso. kkkk
  • Que atendente mais indiscreta Lívia foi arranjar. Só faltou ela dizer: mas vocês dois se amam, neh?
  • Rita pondo ordem na casa de Massimo é ótimo. Mas ainda não entendi porque ela está com tanta moral. É medo de ficar sem a cozinheira? Ou da menina Felícia voltar a fazer greve de fome? Sinceramente nem faço questão de entender. Por tanto que ela continue assim… me fazendo rir. 🙂
  • Chico sofre tanto por causa da cor da pele que só o carinho e amor para faze-lo seguir adiante com sanidade.
  • A resposta que Lívia deveria dar para Pedro é: “pode falar. Diz para o conde quem eu sou e porque estou aqui; só assim vou me livrar de duas ameaças”. Simples assim.

 

Isso chamou minha atenção

Eu adoro sinalizar os erros de continuidade. E tenho que admitir que passo “pente fino” nessa novela, mas até agora não vi nada que chamasse minha atenção. As vezes vejo mais de uma vez a cena, mas tudo impecável. Os continuistas estão de parabéns.

Foto: TV Globo

Comentários

comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *