Na ponta da espada

Como o mundo está girando mais rápido (é como me sinto), vamos direto aos tópicos:

  • Gente do céu, o mantra para não gostar da Condessa Vitória não está ajudando. Também, neh? Ela resolveu amolecer o coração. Tratando bem até os criados. Assim complica.
  • Essa veemência da condessa em querer ver Lívia com o vestido de noiva não vai dar o que preste. Ela vai acabar vendo o sinal. Ai ai aiii
  • Ufa! Pelo menos Lívia se tocou que Melissa não é esse anjinho de candura que aparenta ser. Agora é ficar atenta e não se sentir culpada por amar e dar uns beijinhos no conde.
  • Sinceramente eu não entendo porque Lívia está dando tantas oportunidades a Pedro. “O pouco que ainda resta da nossa amizade”? Tá doida, mulher! Além de ter tentado te agarrar, ele te chantageia e ameaça a todo momento. Teve a audácia de entrar no salão na frente de todos só para te intimidar. Se ela não tomar uma atitude vai se dar mal. Quem sabe contar com o apoio do conde? Ele anda desconfiado que o seu valet de chambre a intimida de alguma forma. Ô, doce menina, está esperando o que? Melissa envenenar o conde contra vc ou que Pedro faça o que anda prometendo?
  • Bento anda sem moral mesmo. Foi dar uma de fofoqueiro – coisa inclusive que ele adora – e tomou mais um passa fora da condessa. Rosa teve mais uma chance de continuar no casarão, e graças ao conde Felipe terá uma casinha para ficar com seu rebento por perto. Só não gostei da forma que ela ficou quando comentou sobre o pai de José. Pelo jeito é Bento mesmo.
  • Se no céu existir justa causa Ariel está ferrado. Ultrapassou todos os limites para ajudar o casal, mas até agora não conseguiu que Emília se quer cogitasse a possibilidade de perdoar a sogra. Será que essa interferência irá gerar desencontros mais a frente? Quando ele salvou Bernardo no casebre, achei horrível ele ter deixado Raul. Mas no final das contas foi o melhor para ele. Acho que esse momento e seu desfecho diz muita coisa.
  • Massimo não é bobo. Já pintou todo o cenário com esse interesse de Roberto na filha. Agora é ficar de olho para que esse gatuno não lhe roube.
  • Por mais que Anita sofra, espero que Roberto se revele como é realmente. Porque dessa forma não se prolonga tanto sofrimento. Aí que ódio estou desse… desse… nem sei do que chama-lo.
  • Só em novela mesmo um ser igual a Bento vai se deixar intimidar por um simples cocheiro, ao ponto de não adentrar numa gruta secreta atrás de uma “presa” tão valioso. Oxê!? No mundo real ele teria jogado Ariel em cima das velas e da santa e seguido o seu caminho.
  • Ôô eu já disse que sou fã de Gema e Raul? Já. Não custa registrar de novo. 🙂
  • Tô bege com a relação da condessa com Lívia. Acho que depois de tanto tempo foi o mais próximo de amor que ela já sentiu. O olhar, o carinho nas palavras, os protocolos quebrados… essa mudança não é só fragilidade ou velhice; o nome disso é “sangue”. Que por mais que as pessoas pensem que não significa nada, tem um valor forte. Adoro essas ironias da vida.
  • Quem está achando um tédio Melissa se preocupar tanto com o casamento de Lívia levante a mão. \o
  • Será que a condessa terá coragem de contar o segredo que ronda a história do seu filho Bernardo para Lívia?
  • No final das contas, Bernardo é irmão de Roberto e Melissa? Um bastardo? Espero uma explicação melhor desse babado no passado da condessa.
  • Não adiantou Dorotéia aconselhar Melissa a não questionar Severa sobre o diário. Já já a preceptora juntará os pontos. E eu já li no “Vem por aí”… olha o  SPOILER…………… que o diário está com Alex. Ahhh menino danado. Será que o conde vai comentar alguma coisa com o filho? Se tivessem o hábito de conversar abertamente, talvez não precisasse de tantos capítulos para se encontrar essas páginas tão preciosas.
  • Fiquei arrepiada e eufórica quando Felipe olhou nos olhos de Pedro e disse: “eu sempre soube que foi você quem deu a espada para Roberto naquela outra luta”. Amo esse conde (amores, só na ficção, viu? 🙂 ).
  • Essa atitude de Felipe pode ser um novo caminho que o personagem vá trilhar. Espero que seja realmente uma mudança. Ser menos observador e ser mais agir.
  • Tão fofo Lívia admitindo que se afeiçoou a vovó má.
  • Coragem a de Lívia perguntar na cara da condessa sobre Bernardo. Será que a vovó vai pular da cama e rodar a baiana?
  • Com exceção de Roberto e talvez Bento, os homens dessa época são bem contidos no quesito sexo, neh? Afonso, Raul, Felipe…por exemplo, ficam de boa sem um chamego. Calmos e serenos. kkkkk
  • Ainda bem que Lívia não fica mais tão pilhada com as atitudes da mãe. Porque quando Allegra quer… fica bem descompensada.

Agora é esperar o desenrolar de algumas ações desses três últimos capítulos. A conversa da condessa com Lívia, a cara de Pedro depois do jogo de esgrima, Rosa e José indo morar no casarão, Ariel depois da conversa com o mestre… e muito mais.

Foto: TV Globo

Comentários

comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *