Os sinais

Ler sobre capítulo de novela antes é uma droga. E saber mais ou menos o que acontecerá com os personagens também. Já li em vários lugares que Luciana ficará tetraplégica em um acidente. Será um choque para uma menina tão mimada e cheia de vida, mas se está no roteiro…

Bem, hoje mesmo Luciana falou muito em liberdade, felicidade, não pegou elevador para ir para quarto…subiu de escada, disse que voltará a fazer balé quando retornar para RJ, que será uma estrela nas passarelas… que angústia.

Tantos sinais, então é porque ela vai ficar tetraplégica mesmo. Esse desfile em Petra é mais despedida de Luciana do que de Helena, porque depois desse acidente a vida dela mudará com certeza.

Feliz aniversário, mãe!


Imagem: site da globo.com

Luciana é uma pentelha e mesmo com as birras que tem com a mãe, ninguém pode negar o amor existente entre elas. Fiquei muito emocionada com a ligação que Lú fez para mãe. Foi hilário Tereza perguntando se Helena estava implicando com ela… se estavam se dando bem, mas quando o papo foi entre mãe e filha… afff fiquei com uma saudade de minha mãe. Tive que me controlar para não ligar uma hora dessa (quase 23h) para ela.

Viver a vida é ter dessas emoções.

Helena é metida mesmo…

… ou está assim por que Bruno mexeu com ela? A cena que ela vai ao Monastério e acaba encontrando – para sorte dela – com Bruno, ficou claro que quando Helena quer ser metida, ela é. Mas depois tentei entender a situação dela.

Vamos analisar: primeiríssimo lugar: ter uma enteada como LUCIANA. Mimada, pirracenta e que está afim do cara, tudo isso é um coquetel para Lú cair matando em cima da madrastinha. E ainda pode render problemas com o cachorro do Marcos; segundo lugar: o “pano de fundo”. A mulher encontra o cara num lugar apaixonante, super romântico (mesmo com a longa caminhada, escorpião e o sol tinindo no crânio) e só eles dois; e terceiro lugar, mas não menos importante: Bruno além de lindo, gostar de fotografia (que nem ela) é um galanteador. Pronto! Está explicado porque ela foi tão metida, ou melhor, chegou a ser antipática com o pobre do Bruno, evitaria uma grande tentação e consequentimente um grave desentendimento com a mimada.

Mas do jeito que essas duas estão no limite, não faltará muito para elas estourarem. Quem viver verá.

Luciana e Bruno… no deserto de Petra

Já comentei aqui sobre a beleza de Petra. Graças a esse cenário natural e a boa sintonia entre os atores, que as cenas de Bruno e Luciana ficaram perfeitas. Digna de “bis”. Para fechar com chave de ouro um pôr-do-sol lindo para dar inicio a uma ardente paixão, pelo menos para Luciana.

Mas já li que essa história não acabará bem, pois Bruno é filho de Marcos, que por sua vez é pai de Luciana. Resumindo, Luciana e Bruno são irmãos, mas isso é outra história.

Ahh esse Tião…

Gente, já vi povo acomodado, mas esse marido de Rose, hem?? Além de ser mentiroso, ladrão (roubou dinheiro e jóias de Rose e ainda o relógio da namorada) e o maior intrometido.Só vive entrando na casa da ex sem ser convidado, dá opinião na vida dela, no trabalho… tudo bem que ele tem que se preocupar com os filhos, mas assim já é demais. Rose minha filha, é melhor cortar a ponta desse nariz intrometido pq se não ele vai descobrir Sr Gustavo e colocar tudo a perder.

Vivendo a vida… em Petra

Uma das coisas boas das novelas, são os lugares que os autores nos “apresentam”. Esses capítulos recentes que mostram a viagem de Helena para Petra valeu muito a pena ver. Considerada uma das Novas sete Maravilhas do Mundo, Petra é uma cidade da Jordânia e inteiramente esculpida na pedra (daí vem o nome, que em grego é “petrus“). Um lugar que dá vontade de conhecer pessoalmente, lindíssimo!

Por falar em lindíssimo, Taís Araújo está linda na pele de Helena. Ainda acho que ela pode dá um “algo mais” a personagem, mas que ela está desbancando muita mulher bonita que tem na novela…ahh isso está.

Mesmo dando desconto…

Concordo que devemos dar uns “descontos” nas novelas… Mas as vezes o povo abusa. Em Cama de Gato, Rose tem uma casa um pouco demais para a realidade dela… desempregada, com quatro filhos para criar e um ex marido mala sem alça que não ajuda em nada. Então uma pergunta que não quer calar: COMO UMA RECÉM-DESEMPREGADA TEM UMA CASA DAQUELA, TODA MOBILIADA E AINDA 4 REBENTOS PARA ALIMENTAR?? E viva aos descontos!